Convênio com Associação de Reflorestamento pode ser ampliado em Santo Ângelo

Município: Santo Ângelo

Prefeito quer que associação também forneça mudas de flores para projetos de embelezamento da cidade CRÉDITO: FERNANDO GOMES/DIVULGAÇÃO/CIDADES

Prefeito quer que associação também forneça mudas de flores para projetos de embelezamento da cidade CRÉDITO: FERNANDO GOMES/DIVULGAÇÃO/CIDADES

Em audiência realizada no gabinete do chefe do Executivo municipal, foi discutida a retomada do convênio mantido pela prefeitura e a Associação de Reflorestamento de Santo Ângelo (Arfom), acordo existente desde 1992, porém suspenso desde 2015. O convênio prevê o repasse mensal de recursos à associação e, em contrapartida, a entidade fornece muda de eucaliptos à secretaria municipal da Agricultura, que repassa para os agricultores. Desde a sua fundação, em 1990, a Arfom já repassou mais de 1,1 milhão de mudas às propriedades rurais familiares da cidade.
O prefeito Jacques Barbosa acenou positivamente para a retomada do convênio, porém sugeriu que a cedência de mudas de flores ornamentais ao município seja incluída no acordo, para utilização pela secretaria do Meio Ambiente no embelezamento de canteiros em avenidas, praças da cidade e nos trevos de acesso. “Estamos trabalhando em um projeto paisagístico para Santo Ângelo, e é interessante a parceria com a Arfom no sentido de abastecer a secretaria do Meio Ambiente com mudas de flores”, ponderou Barbosa, citando como exemplo o ajardinamento de cidades da Serra gaúcha, conhecidas pelas ruas e avenidas multicoloridas pelas flores ornamentais de diferentes variedades.
O presidente da associação, Osvaldino Lucca, acompanhado do vice Rogério Auler, do engenheiro florestal Nelson Almeida e dos colaboradores Álvaro Uggeri, Amando Dalla Rosa e José Rauber, apresentou o relatório de atividades e convidou o chefe do Executivo para a participação na Assembleia Geral da entidade ocorrida na última terça-feira, dia 21 de março. Acompanharam a reunião o secretário do Meio Ambiente, Francisco da Silva Medeiros, e Antônio Cardoso.