Feira do Livro de Gramado terá 80 atrações na programação

Município: Gramado

Cerimônia de abertura será nesta sexta-feira, às 15h, e contará com a presença do patrono Leonid Streliaev CRÉDITO: MANUELA TEIXEIRA/DIVULGAÇÃO/CIDADES

Cerimônia de abertura será nesta sexta-feira, às 15h, e contará com a presença do patrono Leonid Streliaev CRÉDITO: MANUELA TEIXEIRA/DIVULGAÇÃO/CIDADES

A 22ª Feira do Livro de Gramado se inicia nesta sexta-feira, levando para a comunidade e para os visitantes 80 atrações em sua programação, que vai se dividir entre a Rua Coberta da cidade e ações descentralizadas nos bairros e nas escolas. Além disso, a Rua Coberta receberá também 17 expositores e contação de histórias, oficinas, apresentações culturais, lançamento de livros e bate-papo com escritores. A estimativa da organização é de que 75 mil pessoas prestigiem o evento.
A Cia. Lisi Berti, a Faces Produções, o Grupo Só Rindo e o ator Rodrigo Bach farão intervenções teatrais, trazendo a literatura de maneira diferenciada ao público. Já as ações descentralizadas têm o foco de levar a cultura e a literatura para os bairros e ocorrerão nas escolas da rede de ensino, no Centro de Cultura da Várzea Grande e na Biblioteca Pública Municipal Cyro Martins. A cerimônia de abertura será às 15h de sexta-feira, e contará com a presença do patrono Leonid Streliaev, de autoridades do município e terá a apresentação do Travelling Souls Duo, com Ástrid e Leandro Godoi.
Ao longo dos 10 dias de feira, várias atividades terão o patrono Streliaev como protagonista. Com 68 anos e 17 livros publicados, o jornalista, fotógrafo e editor de livros de arte escolheu Gramado para residir há 12 anos, montar sua própria editora e desenvolver seus principais projetos profissionais. “Vim de Porto Alegre para fazer o primeiro livro de Gramado e fui ficando, constituí família. É um lugar diferenciado e muito agradável, onde tu pode encontrar colonos e pessoas simples na rua. Vista pela ótica de marketing, Gramado é cidade conceito. Por uma ótica mais lúdica, ela é uma colônia ainda”, afirma.
Como patrono, seu primeiro ato foi doar 403 exemplares do livro Gramado Brasil (com imagens dele e textos de Luis Fernando Verissimo) para as salas de aula dos colégios do município. Fotógrafo sul-realista, como se autodenomina, Streliaev gosta de retratar realidades sociais, lugares, pessoas e documentar o Rio Grande do Sul.
A Feira do Livro é organizada pela prefeitura, por meio da secretaria da Cultura e conta com o patrocínio do Banrisul, parceria master do Serviço Social do Comércio (Sesc) Gramado e como parceiros a Universidade de Caxias do Sul (UCS) – Região das Hortênsias, Universidade Norte do Paraná (Unopar), Shopping da Construção Gramado, Hortênsias – Água Mineral Natural, Gottschalk – Floricultura e Paisagismo, Restaurante Bella Gramado, Sinoscar, Villa Bertti, Sindicato das Indústrias do Mobiliário da Região das Hortênsias (Sindmóbil), Restaurante Linha Bella, Pousada Xixo Escultura, Restaurante Pouso Novo, Matería Capitão Rodrigo, Bazar e Papelaria Arco-Íris e Gramadotur.