Caminhadas integram programação do 7º Festival da Primavera de Nova Petrópolis

Município: Nova Petrópolis

Atividades serão realizadas dia 24 de setembro no interior de Nova Petrópolis CRÉDITO: KASSANDRA DORNELES/DIVULGAÇÃO/CIDADES

Atividades serão realizadas dia 24 de setembro no interior de Nova Petrópolis CRÉDITO: KASSANDRA DORNELES/DIVULGAÇÃO/CIDADES

O contato com a natureza está garantido durante o 7º Festival da Primavera – Frühlingsfest. O evento ocorre de 20 de setembro a 1 de outubro, das 8h30min às 19h, na Rua Coberta. A Caminhada da Primavera e a Caminhada Fotográfica serão realizadas no dia 24 de setembro e prometem momentos de integração, contemplação e aprendizado junto às mais belas paisagens do interior de Nova Petrópolis.
A Caminhada da Primavera terá como local de saída a Rua Coberta – Praça das Flores, às 8h, no dia 24 de setembro. O grupo se desloca, com transporte, até a localidade de Pinhal Alto, onde se inicia a caminhada por trechos rurais do município. Após quase 10 quilômetros, chega-se ao Jardim Mais Alto da Serra Gaúcha, onde será servido um delicioso lanche orgânico, com direito a uma vista de 360º da região a uma altura de 820 metros. Após essa parada, a caminhada segue até a Sociedade Concórdia, na localidade de Linha Imperial, totalizando 12 quilômetros percorridos. Há transporte de retorno para a Rua Coberta.
O valor da inscrição para a Caminhada da Primavera é de R$ 50,00 por pessoa. Está incluso lanche orgânico, condutores, transporte e ingresso no atrativo turístico Jardim Mais Alto da Serra Gaúcha. Inscrições e outras informações estão disponíveis pelo e-mail contato@tchonji.com.br e pelo telefone (0xx54) 99109-5073, com Valdemar Zummach. Em caso de chuva, a Caminhada da Primavera será transferida para o dia 1 de outubro, às 8h.
A Caminhada Fotográfica, conduzida pelo fotógrafo Mauro Stoffel, também ocorre dia 24 de setembro, com saída às 9h, no Parque Aldeia do Imigrante. É uma excelente opção para quem quer aprender sobre a arte de fotografar, além de apreciar as belezas naturais do interior de Nova Petrópolis. Cada participante deve levar seu equipamento fotográfico. A participação na caminhada é gratuita e a inscrição pode ser feita pelo e-mail mauro@stoffel.com.br ou pelo telefone 3281-2252. As vagas são limitadas. Em caso de chuva, a Caminhada Fotográfica será transferida para o dia 1 de outubro, às 9h.
O 7º Festival da Primavera conta com mais de 30 expositores e comerciantes dispostos na Rua Coberta e Praça das Flores. O evento é aberto ao público e tem entrada franca. Os visitantes terão a oportunidade de adquirir diversos tipos de flores e artigos para jardins; poderão conferir o trabalho de paisagistas, participar de minioficinas e aproveitar as atrações culturais. O maior evento de paisagismo e flores do Sul do País também proporciona qualificação técnica e excelentes oportunidades de negócios.
O Festival da Primavera – Frühlingsfest é uma realização da prefeitura. O evento conta com o patrocínio de Sicredi Pioneira-RS. São parceiros Rota Romântica, Casa Cooperativa, A Pousada Villa do Arquiteto, Floricultura Úrsula, Universidade Feevale, Raiz Vasos Autoirrigáveis, Salix Paisagismo e Meio Ambiente, Toni Backes Paisagismo e Arquitetura, Associação Tchon Ji e CTG Pousada da Serra. O Festival da Primavera conta com o apoio de Rossetto Equipamentos Fotográficos, Mauro Stoffel, Stoffel Digital, Nova Imóveis e Turismo, Turm Vídeo, Jardim Mais Alto da Serra Gaúcha e Pousada dos Plátanos.

7º Festival da Primavera é lançado em cenário encantador em Nova Petrópolis

Município: Nova Petrópolis

Evento foi lançado no dia 23 de agosto, no Jardim Mais Alto da Serra Gaúcha, e ocorre de 20 de setembro a 1 de outubro CRÉDITO: MAURO STOFFEL/DIVULGAÇÃO/CIDADES

Evento foi lançado no dia 23 de agosto, no Jardim Mais Alto da Serra Gaúcha, e ocorre de 20 de setembro a 1 de outubro CRÉDITO: MAURO STOFFEL/DIVULGAÇÃO/CIDADES

O lançamento oficial do 7º Festival da Primavera – Frühlingsfest ocorreu na última quarta-feira, dia 23 de agosto, no atrativo Jardim Mais Alto da Serra Gaúcha, em Nova Petrópolis. O local encantador foi cenário ideal para apresentar as novidades do maior evento de paisagismo e flores do sul do Brasil. Autoridades, imprensa e convidados prestigiaram a cerimônia. A Borboleta Tuka recepcionou os convidados e o Acústico Menegallas deu o tom ao momento. O Jardim da Serra Gaúcha e Capital Nacional do Cooperativismo, estará ainda mais florida, perfumada e colorida durante o Festival da Primavera – Frühlingsfest. A 7ª edição do evento ocorre de 20 de setembro a 1 de outubro, das 8h30min às 19h, na Rua Coberta, em Nova Petrópolis.
O prefeito em exercício, Charles Paetzinger, prestigiou o evento acompanhado pela esposa Sandra Fernandes. “O Festival da Primavera valoriza o cultivo de flores e jardins, um costume trazido pelos imigrantes alemães, preservado pela comunidade e adotado por aqueles que escolhem Nova Petrópolis para viver”, destacou Paetzinger. “Também precisamos enaltecer o belíssimo trabalho realizado nos bastidores. É preciso muita dedicação para que possamos ver nossos atrativos floridos, nossa cidade sempre bonita”, concluiu o prefeito em exercício.
O secretário de Turismo, Indústria e Comércio, Paulo Roberto Staudt, destacou o intenso calendário de eventos promovidos em Nova Petrópolis, o envolvimento e a doação das pessoas que trabalham para que tudo ocorra bem. “O Festival da Primavera reflete o amor que todos os envolvidos com paisagismo e flores têm; desejo que o amor também esteja entre nós, nos conduzindo na realização de tantos eventos de sucesso”, declarou Staudt ao valorizar o envolvimento das equipes na promoção das atividades. A abertura oficial do 7º Frühlingsfest será realizada no feriado de 20 de setembro, às 15h, na Rua Coberta. O Grupo de Cultura Nativa Alma Serrana fará a apresentação musical após a cerimônia de abertura.
O 7º Festival da Primavera conta com mais de 30 expositores e comerciantes dispostos na Rua Coberta e Praça das Flores. O evento é aberto ao público e tem entrada franca. Os visitantes terão a oportunidade de adquirir diversos tipos de flores e artigos para jardins, poderão conferir o trabalho de paisagistas, participar de minioficinas e aproveitar as atrações culturais. O maior evento de paisagismo e flores do Sul do País também proporciona qualificação técnica e excelentes oportunidades de negócios.
Maiquel Scherer, representando a comissão organizadora do Festival da Primavera, enfatizou que Nova Petrópolis consolida-se como polo de profissionais do paisagismo. “Estamos empenhados para promover um excelente Festival da Primavera em 2017“, ponderou em nome do grupo. Para a comissão organizadora, o Festival da Primavera é, certamente, o evento mais colorido de Nova Petrópolis, tendo por característica dar continuidade à arte de cultivar flores e jardins, trazida pelos imigrantes alemães como hobby e, agora, transformada em atividade profissional por seus descendentes.

Nova Petrópolis vai sediar evento gastronômico Chefs Gourmet

Município: Nova Petrópolis

Segunda edição do evento foi apresentada na última terça-feira, dia 1 de agosto CRÉDITO: MARCELO MOURA/DIVULGAÇÃO/CIDADES

Segunda edição do evento foi apresentada na última terça-feira, dia 1 de agosto CRÉDITO: MARCELO MOURA/DIVULGAÇÃO/CIDADES

A gastronomia da Região das Hortênsias estará na Rua Coberta de Nova Petrópolis nos dias 1, 2 e 3 de setembro, durante o evento Chefs Gourmet. A edição do evento em Nova Petrópolis, evento criado com o objetivo de impulsionar o setor gastronômico da região, além de promover a integração entre os estabelecimentos do ramo, foi apresentada durante uma coletiva de imprensa realizada na manhã da última terça-feira, 1 de agosto, no Parque Aldeia do Imigrante.
A representante do departamento de Gastronomia da Associação Comercial e Industrial de Nova Petrópolis (Acinp), Sofia Spier, deu as boas vindas aos presentes, entre eles os secretários municipais de Turismo, Indústria e Comércio, Paulo Staudt; de Educação, Cultura e Desporto, Ricardo Lawrenz; e da secretária de Saúde e Assistência Social de Nova Petrópolis, Andreia Frota. O diretor de Projetos Especiais do Grupo Sinos Eventos, Márcio Oliveira, explanou sobre o Chefs Gourmet e agradeceu a presença da presidente da Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel) Hortênsias, Angelita Foss Ecker, que elogiou a primeira edição do evento, realizada na cidade de Canela.
Segundo o secretário de Turismo, Paulo Staudt, a gastronomia de Nova Petrópolis prima pela excelência, e isso será evidenciado durante o Chefs Gourmet. “Nossa gastronomia típica é um diferencial e conquista qualquer pessoa que visita Nova Petrópolis. Esse evento será uma excelente oportunidade para o setor gastronômico da região promover sua culinária e, claro, quem visitar a Rua Coberta terá o privilégio de provar as delícias preparadas especialmente para o evento”, destaca o secretário. O presidente da Associação Rota Romântica, Cláudio Weber, vereadores municipais e membros da Acinp também marcaram presença na coletiva de imprensa, que se encerrou com um coquetel preparado pelos estabelecimentos de Nova Petrópolis, que participarão do evento.

 

45º Festival Internacional de Folclore de Nova Petrópolis emociona público

Município: Nova Petrópolis

Evento, que se encerrou no último domingo, recebeu mais de 130 mil pessoas CRÉDITO: MAURO STOFFEL/DIVULGAÇÃO/CIDADES

Evento, que se encerrou no último domingo, recebeu mais de 130 mil pessoas CRÉDITO: MAURO STOFFEL/DIVULGAÇÃO/CIDADES

O apagar da Chama Folclórica encerrou o 45º Festival Internacional de Folclore de Nova Petrópolis no último domingo, dia 30 de julho. Pelas mãos de futuros folcloristas, extinguiu-se a chama que iluminou os passos de dança e aqueceu os corações de mais de 1,8 mil artistas ao longo de 17 dias de evento, na Rua Coberta. O maior evento cultural da serra gaúcha superou todas as expectativas, reunindo um público de mais de 130 mil pessoas, de 14 a 30 de julho. Crianças, representantes da Associação dos Grupos de Danças Folclóricas Alemãs de Nova Petrópolis, do Centro de Tradições Gaúchas (CTG) Pousada da Serra e do Volkstanzgruppe Tannenwald apagaram a Chama Folclórica da 45ª edição. Em 2018, a centelha será acesa novamente, reafirmando que a chama permanece viva na alma dos folcloristas.
O prefeito de Nova Petrópolis, Regis Luiz Hahn; a primeira-dama, Marion Spier Hahn; e o vice-prefeito Charles Paetzinger e sua esposa Sandra Fernandes participaram da cerimônia de encerramento, desejando vida longa ao Festival Internacional de Folclore. As soberanas do Folclore Alemão, rainha Aline Stein; 1ª princesa Iasmin Schmitt; e 2ª princesa Angela Sbersi, entregaram-se à emoção. No encerramento da 45ª edição, o espetáculo Folcloristas, Histórias do Festival foi exibido novamente. O show reuniu canto, dança, teatro e videodocumentário, contando a história dos folcloristas que defenderam, ensinaram e partilharam seus conhecimentos e deram origem aos grupos folclóricos de Nova Petrópolis. Irmgard Schuch, Benno Edmundo Heumann, Maria Zilles Knorst, Adélia Hillebrand, Sílvia Drumm Kich, Yedda Leão Michaelsen, Cíntia Rafaela Hansen Reisdoerfer, Dalva Arend Neumann, Carla Cristiane Ferreira e Fábio Guaragni foram testemunhas vivas da trajetória do Festival Internacional de Folclore.
Calorosos aplausos ecoaram na Rua Coberta da cidade ao fim de 185 apresentações no palco principal do evento. Nove grupos folclóricos internacionais, sete nacionais, sete regionais e 22 grupos locais brilharam sob as luzes da diversidade. Os visitantes do evento tiveram a oportunidade de prestigiar, gratuitamente, a cultura de países como Polônia, Colômbia, México, Alemanha, Chile, Paraguai e Argentina, além dos estados brasileiros de Rio Grande do Norte, Paraíba, Espírito Santo, Santa Catarina, Mato Grosso, Rio de Janeiro e Bahia.
A logística do evento resultou em quase 10,5 mil quilômetros rodados para o deslocamento de 45 grupos, mais de 6,5 mil refeições foram servidas e mais de 3 mil diárias para hospedagem foram utilizadas ao longo do festival. Aproximadamente 25 pessoas estiveram envolvidas na organização do evento. Dezoito monitores conduziram e acompanharam os grupos folclóricos. O Parque Aldeia do Imigrante recebeu 12 apresentações de grupos folclóricos. Também foram realizados oito jogos germânicos e da diversidade; dois desfiles de integração; três panelas da diversidade – oficinas de gastronomia; duas mãos da diversidade – oficinas de artesanato; dois passos da diversidade – oficinas técnicas de danças; três noites culturais nas comunidades do interior do município; e quatro bailes. Números expressivos que demonstram o grande trabalho para que o espetáculo ocorra, pela força de uma equipe unida, com o mesmo objetivo – perpetuar o Festival Internacional de Folclore de Nova Petrópolis, melhorando-o a cada edição.
A Compañia Internacional de Danza Paipa, da Colômbia, único grupo presente ao longo dos 17 dias de evento, recebeu o carinho da população e dos visitantes. O carisma dos artistas, a apresentação e a riqueza cultural dos folcloristas cativaram a todos. A última apresentação dos colombianos, realizada na noite do último domingo, contou com a participação especial das soberanas do Folclore Alemão, de membros da comissão organizadora e da monitora do grupo durante as danças. A despedida emocionada reafirmou que “a diversidade é o que nos une”. A Celebração da Vida, da Paz e da Diversidade do dia 30 de julho encerrou o momento de reflexão do Festival Internacional de Folclore. O Grupo Acordes deu o tom ao momento de mensagens de paz, amor, tolerância, união e respeito que ganharam voz em uma cerimônia emocionante.
O Grupo de Danças Folclóricas Sonnenschein, representante das localidades de Linha Brasil e Linha Araripe é o campeão dos Jogos Germânicos 2017. O Volkstanzgruppe Freundschaftskreis, da Vila Olinda, ficou com o vice-campeonato. O Böhmerlandtanzgruppe, da Linha Imperial, ficou em 3º lugar. A premiação dos Jogos Germânicos do evento ocorreu no último dia e o prefeito Hahn prestigiou os campeões. Centenas de artistas desfilaram pela principal avenida da cidade na tarde de 30 de julho. Autoridades, soberanas do Folclore Alemão, folcloristas e artistas coloriram a avenida 15 de Novembro em um momento de integração e reverência à diversidade que une povos em Nova Petrópolis.
A 2ª edição do Chá das Soberanas, evento organizado pelas primeira e segunda damas de Nova Petrópolis, Marion Spier Hahn e Sandra Fernandes, em parceria com a organização do 45º Festival Internacional de Folclore, também ocorreu no último domingo. O Centro de Convivência da Terceira Idade, localizado no Parque Aldeia do Imigrante, foi o local escolhido para o evento, que contou com a presença de, aproximadamente, 50 soberanas de diversas edições do festival.
O 45º Festival Internacional de Folclore foi uma realização da Associação dos Grupos de Danças Folclóricas Alemãs e prefeitura de Nova Petrópolis. O evento, que integra o calendário anual da IOV (Organização Internacional de Folclore e Artes Populares), contou com apoio de Rota Romântica, Banco do Brasil, Vértice Licenciamento e Gestão Ambiental e PD Eventos. O evento foi financiado pelo Ministério da Cultura e pela secretaria de Estado da Cultura, Turismo, Esporte e Lazer – Pró-Cultura-RS. O festival contou com o patrocínio de Piá, Dakota, Banrisul, Suibom, Sicredi e Brombatti.

 

45º Festival Internacional de Folclore de Nova Petrópolis se inicia nesta sexta-feira

Município: Nova Petrópolis

Evento segue até o dia 30 de julho, com diversas atrações CRÉDITO: MARGARIDA NEUMANN/DIVULGAÇÃO/CIDADES

Evento segue até o dia 30 de julho, com diversas atrações CRÉDITO: MARGARIDA NEUMANN/DIVULGAÇÃO/CIDADES

O município é referência em cultura no País. O Festival Internacional de Folclore, evento que se iniciou evidenciando a cultura local e chega a sua 45ª edição como um dos principais atrativos culturais da serra gaúcha, tem expressiva contribuição. De 14 a 30 de julho de 2017, Nova Petrópolis será o reduto de culturas de diversas partes do mundo, todas unidas em uma grande festa de integração entre os povos. Nossa bandeira é a diversidade é a temática dos 45 anos de evento.
A abertura oficial do evento acontece nesta sexta-feira, 14, às 19h, no palco da Rua Coberta. A cerimônia terá o acendimento da chama folclórica e a exibição do espetáculo Folcloristas, histórias do festival, que reunirá canto, dança, teatro e vídeo documentário, contando a história dos folcloristas que defenderam, ensinaram e partilharam seus conhecimentos e deram origem aos grupos folclóricos do município.
A programação será intensa desde o primeiro dia. No sábado, dia 15, destaque para as apresentações dos grupos folclóricos no palco da Rua Coberta, a partir das 10h30min; para os Jogos Germânicos – debulhar o milho, às 14h; para o Desfile de Integração, às 15h; para as apresentações no Parque Aldeia do Imigrante, às 11h e às 14h; e para o Welt Bier Fest – Festa das Cervejas do Mundo, na Sociedade da Linha Brasil, às 19h. Domingo, dia 16, a programação terá continuidade com a Celebração da Vida, da Paz e da Diversidade, um momento de reflexão na Rua Coberta, às 9h. Após, as programações artísticas tomam conta do palco.
Para a edição de 2017, o Festival Internacional de Folclore conta com nove grupos folclóricos internacionais, sete nacionais, sete regionais e 23 grupos locais confirmados. Os visitantes terão a oportunidade de prestigiar, gratuitamente, as culturas de países como Polônia, Colômbia, México, Alemanha, Chile, Paraguai e Argentina, além dos estados brasileiros de Rio Grande do Norte, Paraíba, Espírito Santo, Santa Catarina, Mato Grosso, Rio de Janeiro e Bahia.
Além das apresentações de danças folclóricas, que enfeitarão o palco do evento com cores, ritmos, danças e cultura, o Festival Internacional de Folclore contará ainda com desfiles de integração; o baile infantil; os jogos germânicos, tais como, chope em metro, arremesso de chope, serrar o tronco, cabo de força e debulhar o milho; as Noites Culturais, que levam a diversidade do festival às mais distantes localidades do município; entre outras atrações.
Mais de 20 estandes com artesanato das mais diversas nacionalidades também serão um atrativo aos visitantes do 45º Festival Internacional de Folclore. A gastronomia também estará presente no evento. Como atividades paralelas, haverá as Panelas da Diversidade, oficinas de gastronomia; Mãos da Diversidade, oficinas de artesanato; Jogos da Diversidade, jogos germânicos com os grupos participantes do evento; e as Oficinas Técnicas de Dança, oficinas de dança para grupos participantes.
Nova Petrópolis vai mostrar toda sua força cultural, em harmonia com culturas do mundo todo, em um grande evento de integração. A comissão organizadora espera receber mais de 100 mil pessoas ao longo do evento. O 45º Festival Internacional de Folclore é uma realização da Associação dos Grupos de Danças Folclóricas Alemãs e da prefeitura. O evento, que integra o calendário anual da IOV – Organização Internacional de Folclore e Artes Populares, conta com apoio de Rota Romântica, Banco do Brasil, Vértice Licenciamento e Gestão Ambiental e PD Eventos. É financiado pelo Ministério da Cultura e Secretaria de Estado da Cultura, Turismo, Esporte e Lazer – Pró-Cultura-RS. O festival conta com o patrocínio de Piá, Dakota, Banrisul, Suibom, Sicredi e Brombatti.