Praça Flores da Cunha recebe casinhas de cerâmica em Arroio do Meio

Município: Arroio do Meio

Peças foram instaladas na árvore central, para embelezar o espaço e atrair pássaros CRÉDITO: MAICA VIVIANE GEBING/DIVULGAÇÃO/CIDADES

Peças foram instaladas na árvore central, para embelezar o espaço e atrair pássaros CRÉDITO: MAICA VIVIANE GEBING/DIVULGAÇÃO/CIDADES

Prestigiando a chegada da primavera, a administração municipal, através do Projeto Vivências na Casa do Museu, instalou mais de 20 casinhas de cerâmica de passarinhos na árvore central da Praça Flores da Cunha. A instalação ocorreu na tarde do dia 26 de setembro, na presença de representantes da administração municipal, alunas que participam do projeto desenvolvido na Casa do Museu, usuários da praça e grupo de Saúde Mental do Hospital São José, ao som do tecladista Eduardo Reis Cézar.
Na ocasião, a vice-prefeita Eluise Hammes reforçou que o projeto tem o objetivo da ação social, de se expandir para espaços públicos com peças de cerâmica confeccionadas nas oficinas gratuitas desenvolvidas no município. Lembrou que, desde o início do ano, os alunos se envolveram na produção de artigos para a decoração de Páscoa da Praça, vasinhos que serão utilizados em áreas públicas para o projeto Abrace um Jardim, corações para a CulturArte/Feira do Livro, entre outras peças de cerâmica que levam o nome de Arroio do Meio.
A ceramista Cláudia Jung explica que o projeto envolve mais de 30 alunos, que participam semanalmente de grupos de convivência da Assistência Social e comunidade em geral. “No entanto,mais de 100 pessoas da comunidade se envolveram na confecção das decorações de Páscoa, Projeto Abrace um Jardim, entre outras ações do município”, detalha.
As alunas Iraci Gottens, Ledi Hammes e Glaci Gottens, do bairro Medianeira, e Estela Deves, do Aimoré, afirmam a paixão pelas oficinas de cerâmica. “A gente se distrai, sai de casa, conhece outras pessoas”, comenta Estela, que já participa das oficinas de cerâmica na Casa do Museu desde 2012, período em que produziu diversos artigos de decoração e utilitários para fins pessoais, assim como auxiliou na produção de lembranças e decorações para o município. “No ano passado, enfeitei meu pinheiro de Natal com artigos produzidos nas oficinas”, conta Glaci. “A cerâmica é uma terapia”, incentiva Iraci. “É uma alegria ver os artigos que produzimos enfeitando a nossa praça”, orgulham-se as alunas.

Agendamento de consultas encerra retirada de fichas médicas em Arroio do Meio

Município: Arroio do Meio

Procedimento pode ser feito junto à secretaria municipal da Saúde e ao Posto Central CRÉDITO: MAICA VIVIANE GEBING/DIVULGAÇÃO/CIDADES

Procedimento pode ser feito junto à secretaria municipal da Saúde e ao Posto Central CRÉDITO: MAICA VIVIANE GEBING/DIVULGAÇÃO/CIDADES

Visando ao maior conforto e bem-estar da comunidade, a secretaria municipal da Saúde, a partir de 1 de setembro, realizará os atendimentos no Posto de Saúde Central mediante agendamento prévio. A medida começou a ser implantada gradativamente no início do ano e passa a funcionar definitivamente nos próximos dias, eliminando a entrega de fichas no subsolo da prefeitura. Nas Estratégias de Saúde da Família (ESFs), o agendamento ocorre conforme a organização de cada bairro. Os agendamentos devem ser feitos pelo telefone (0xx51) 3716-1275 para as especialidades de clínica geral, ginecologia, obstetrícia, cardiologia, pediatria e odontologia, ou pelo telefone 3716-2647 para urologia e dermatologia.
O secretário da Saúde, Gustavo Zanotelli, explica que casos de urgência e emergência devem se dirigir ao Plantão Médico 24 horas do Hospital São José, mantido pelo município. Da mesma forma, o município manterá o sistema de triagem nos postos, para casos urgentes. “Este modelo amplia a qualidade dos atendimentos nos postos de saúde, incentiva a organização da comunidade em suas consultas e promove a gestão da saúde pública”, esclarece. “Pedimos a compreensão e a paciência da comunidade nos primeiros dias da implantação do novo sistema, pois será um período de adaptação em busca de mais qualidade e eficiência da nossa saúde”, explica. O prefeito Klaus Werner Schnack reforça: “Desta forma, estamos cumprindo solicitações feitas pela comunidade, inclusas no nosso plano de governo, procurando atender de forma digna e acolhedora nosso cidadão”.
Outra inovação na área é a implantação do prontuário eletrônico em todos os postos de saúde do município, interligando ao Sistema Único de Saúde (SUS). A tecnologia permite que o histórico do paciente seja acessado em qualquer unidade de atendimento público de saúde do País, agilizando e qualificando os serviços à comunidade. O avanço da tecnologia local se iniciou em janeiro, com a compra e a instalação dos equipamentos, e dá mais um passo neste mês, com a migração para a liberação de exames e marcação de consultas pelo sistema on-line.

 

Ampliação que viabiliza biblioteca e novas salas de aula é entregue em Arroio do Meio

Município: Arroio do Meio

Evento aconteceu no dia 5 de agosto e reuniu autoridades, professores, alunos, famílias e comunidade CRÉDITO: MAICA VIVIANE GEBING/DIVULGAÇÃO/CIDADES

Evento aconteceu no dia 5 de agosto e reuniu autoridades, professores, alunos, famílias e comunidade CRÉDITO: MAICA VIVIANE GEBING/DIVULGAÇÃO/CIDADES

Na manhã do dia 5 de agosto, a administração municipal fez a entrega da obra de ampliação da Escola Municipal de Ensino Fundamental (Emef) Princesa Isabel, de Rui Barbosa. O evento contou com a presença de autoridades, professores, alunos, famílias e comunidade do bairro, que acompanharam a apresentação do Grupo Instrumental da Escola.
A secretária municipal Mara Betina Forneck conduziu a cerimônia do ato de entrega do novo espaço de 180 metros quadrados, em um investimento de R$ 140 mil de recursos próprios do município. Em nome do Círculo de Pais e Mestres (CPM), Lara Maria Führ Warken ressaltou que a educação começa em casa e se intensifica na escola. “É na família que se ensinam bons valores, nós somos um elo de apoio à escola”, salientou. Em nome da escola, a vice-diretora Isoldi Schneider agradeceu o esforço de todos os envolvidos e relembrou a história da escola fundada em março de 1961 e instalada no prédio atual em 1993. “Juntos, concretizamos ações em benefício dos nossos alunos”, afirmou.
O prefeito Klaus Werner Schnack enalteceu o esforço comunitário em prol da educação e das ampliações da escola ao longo dos anos. “Hoje, somos uma grande família e comemoramos essa grande conquista, comunidade, administração e entidades de mãos dadas”, disse. “Nosso maior desafio é dar atenção especial e condições às nossas crianças, para que possam avançar e trazer sempre o melhor para nossas famílias e comunidades”, concluiu Schnack.
Na sequência, autoridades, professores e alunos seguiram para o novo espaço, onde descerraram a fita inaugural do novo espaço que contempla a Biblioteca Mário Quintana e salas de aula. A ampliação foi executada sobre um auditório construído em 2012. A Escola tem 269 alunos matriculados do nível A ao 9º ano, sendo cerca de 70 em turno integral.

 

Arroio do Meio atende a mais de 600 alunos em turno integral

Município: Arroio do Meio

Refeições incluem café da manhã, almoço e lanches da manhã e da tarde CRÉDITO: MAICA VIVIANE GEBING/DIVULGAÇÃO/CIDADES

Refeições incluem café da manhã, almoço e lanches da manhã e da tarde CRÉDITO: MAICA VIVIANE GEBING/DIVULGAÇÃO/CIDADES

Mais de 49.600 refeições são servidas mensalmente nas 13 Escolas Municipais de Ensino Fundamental (Emefs) de Arroio do Meio. As refeições incluem café da manhã, almoço e lanches da manhã e tarde; e atendem em especial aos alunos que frequentam o turno integral, totalizando 510 pelo Programa Novo Mais Educação (1º ao 5º ano) e 100 crianças de quatro e cinco anos pela Educação Infantil.
O prefeito Klaus Werner Schnack, a vice Eluise Hammes e a secretária de Educação e Cultura, Mara Betina Forneck, acompanharam recentemente semana o almoço dos alunos da Escola de Dona Rita. No cardápio havia arroz, feijão, aipim, carne, saladas variadas, muito apetite e alegria. Schnack provou e aprovou a refeição servida aos alunos, classificando-a como muito saborosa. A escola é a mais nova integrante do programa de turno integral Mais Educação, desde abril deste ano. Animados, os alunos das séries iniciais saíram da oficina de artes direto para a mesa farta do almoço. Após a escovação dos dentes e descanso em sala adaptada com colchonetes e travesseiros, a aula seguiu à tarde, com conteúdo do currículo escolar.
Das 13 escolas municipais, oito oferecem o turno integral para alunos do 1º ao 5º anos, com oficinas e acompanhamento pedagógico. Outra novidade de 2017 é o Novo Mais Educação, ampliado às escolas Duque de Caxias (Arroio Grande), João Beda Körbes (Aimoré), Afonso Celso (Picada Arroio do Meio) e Professor Arlindo Back (Forqueta). Nestas, as crianças têm acesso a um turno semanal de acompanhamento pedagógico nas disciplinas de português e matemática. O objetivo é reforçar as aprendizagens e melhorar os índices de aprovações nas escolas, qualificando o Mais Educação.
O programa é financiado com recursos federais, somado à contrapartida do município, com apoio dos Círculos de Pais e Mestres (CPMs) e das comunidades, que cedem espaços para realização das oficinas. “Importante ressaltar que primamos pela qualidade das refeições servidas, já que grande parte dos alimentos é fornecida pelos produtores rurais do município”, salienta a secretária Mara.

 

Conversando sobre Turismo propõe qualificação do setor em Arroio do Meio

Município: Arroio do Meio

Estão previstos oito encontros, incluindo oficinas, visitas técnicas e participação em feiras e seminários CRÉDITO: MAICA VIVIANE GEBING/DIVULGAÇÃO/CIDADES

Estão previstos oito encontros, incluindo oficinas, visitas técnicas e participação em feiras e seminários CRÉDITO: MAICA VIVIANE GEBING/DIVULGAÇÃO/CIDADES

Em encontro realizado na última semana na Casa do Museu, empreendedores locais do setor turístico aderiram ao projeto do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) para transformar o segmento turístico no Vale do Taquari. A primeira etapa da qualificação ocorre dias 27 e 28 de junho e 3 e 4 de julho, com o curso Bússola Turística. Ao todo, estão previstos oito encontros, incluindo oficinas de comercialização do destino turístico, visitas técnicas para troca de boas práticas, participação em feiras e seminários do setor e consultorias individuais para cada atividade.
A turma local será composta por 10 a 15 empreendedores, incluindo hotelaria, agroecologia, esportes radicais, culinária, restaurante, chocolateria, entre outros. De acordo com o consultor do Sebrae Diego Zenkner, o projeto existe desde janeiro de 2016, atendendo a empresas do segmento turístico de todo o Vale do Taquari. Os principais objetivos são qualificar a gestão das empresas ligadas ao turismo na região e aumentar o fluxo de turistas nos empreendimentos. O investimento de cada empreendedor para a realização da qualificação é de aproximadamente R$ 700,00, sendo que o Sebrae subsidia mais de R$ 15 mil de um total de R$ 23 mil.
O curso de qualificação do turismo local é uma das propostas debatidas e amadurecidas durante os encontros do Projeto Conversando sobre Turismo, que ocorre mensalmente na Casa do Museu. Desde o início do ano, o grupo – composto por empreendedores do setor turístico e do poder público – já debateu a programação e decoração de Páscoa para a praça Flores da Cunha, posteriormente executada pela administração municipal e voluntários da comunidade, assim como ações para o Dia das Mães, as férias de inverno, gincana Arroio do Meio e outras iniciativas de fomento ao turismo e comércio local. “É um grupo atuante já instituído, que pensa o turismo como ferramenta de desenvolvimento econômico para o município, com ações de curto, médio e longo prazo”, explica o coordenador da secretaria de Indústria, Comércio e Turismo Carlos Henrique Meneghini.